6 Perguntas sobre Intercâmbio Estudantil (Parte 1) » Latitude Infinita
Latitude Infinita
RESERVE SEU HOTEL
SEGUROS VIAGEM
DESCONTO AIRBNB

6 Perguntas sobre Intercâmbio Estudantil (Parte 1)

Se você está pensando em fazer um intercâmbio estudantil (de idiomas), você precisa ler esse post e o próximo inteiro. Já pegue um papel e uma caneta ou seu celular, para anotar todas as perguntas que eu te recomendo fazer a sua agência de intercâmbio.



 Se quiser dar uma olhada nos posts sobre o intercâmbio (a vivência), clique aqui.

Essas perguntas foram as que eu fiz, quando estava procurando onde fechar meu intercâmbio de Inglês no Canadá. Essas perguntas sobre Intercâmbio Estudantil me auxiliaram a escolher a empresa da qual eu fechei o contrato, como também da segurança da escolha da moradia e principalmente da escola.

Primeiro de tudo: Você precisa escolher qual o local/país que tem interesse em fazer esse intercâmbio. Procure informações sobre as cidades, a comida, o que fazer pela cidade, os lugares de interesse. Assim, você consegue 'peneirar' quais as suas escolhas possíveis. Isso vai facilitar e muito na hora de conversar sobre o seu intercâmbio na agência de intercâmbios.

A dica primordial é pesquise, pesquise e pesquise mais um pouco. Somente tendo a certeza que você esta sabendo do máximo possível, é que lhe trará confiança para realizar esse sonho. Mas vamos logo para as perguntas, porquê é pra isso que você veio até aqui.

Perguntas sobre Intercâmbio Estudantil

1. Tem algum pacote promocional para o local que desejo ou para outro? Se sim, qual e quais as condições. 

Muitas agências tem algum acordo comercial com as escolas. Dependendo desse acordo, você pode ter um desconto de 20 ou 25% de desconto na matrícula. Entretanto, quando a agência lhe informar isso, anote o nome da escola para depois, em casa e com calma, fazer uma busca na internet sobre essa escola.

Todas as escolas, e até as agências, tem redes sociais ou algum blog falando sobre. Eu te recomendo pesquisar sobre eles na internet! mas fique ciente, nenhuma agência ou escola são impecáveis, possivelmente elas terão reclamações. Leia as reclamações e veja se elas são relacionadas, se o problema é estrutural ou se foi algum erro de comunicação.

Vale a ressalva também que quanto maior a escola ou agência, maior o número de reclamações, por isso, leia as reclamações. No meu caso, todas as reclamações que vi eram relacionadas a atrasos ou cancelamentos. Itens que você já vai questionar nas próximas perguntas e poderá ter maior segurança.



Sobre as Escolas

2. Quais escolas a agência recomenda para o tempo em que ficarei? 

Lembre-se que existem diferenças entre as escolas. Tanto estruturais, quanto de método de ensino. Algumas podem ter um nível diferente ou um propósito diferente do que você necessita.

Existem escolas específicas para IELTS, CAMBRIDGE, BUSINESS, entre outros itens. Enquanto, que outras são mais amplas e você pode escolher entre fluência, escrita ou conversação. Tudo isso é bom saber antes de chegar na escola, então, pergunte para a agência de intercâmbio.

Questione também se tem algum curso vocacional nessa escola e/ou se ela tem parceria com universidades da região. Muitas vezes as escolas tem convênio com as universidades e esse seu diploma pode ser aceito como "nível de inglês", sem que você tenha que fazer outra prova.

3. Dessas escolas, quais tem atividades extra-curriculares?

Em muitas escolas tem aulas adicionais durante a semana, de graça. Outras, tem viagens para as cidades vizinhas e até passeios guiados por professores pelo bairro da cidade. Pergunte quais atividades extras essas escolas "vendem como diferencial" e veja qual mais lhe agrada.

Na escola em que fiquei, Eurocentres, tinha passeios com os professores pelos restaurantes ou bairros da cidade. Isso é algo muito legal, porque ai você vê como se comunicar em um restaurante como nativo. Aprende sobre a cidade em que esta e conhece muitos lugares interessantes que sozinho não encontraria. Ah! e na minha tinha aulas extras, de graça, duas vezes na semana. Era ótimo para reforçar e interagir.

4. Qual o procedimento para mudar de escola, caso você não goste da escola em que ficou? 

Vamos lá, você fez todos os passos e mesmo assim, quando chegou na escola acabou não gostando. Seja porque o método era diferente do que você esperava ou por qualquer outro motivo. Você vai precisar já saber, de antemão, como proceder caso queira trocar de escola. Tem alguma taxa? Se for porque a escola não é como foi vendida, você pode ter seu dinheiro de volta?

Ou até mesmo, caso essa escola seja de alguma rede. Quem sabe essa mesma escola não tenha uma filial em outra cidade e você queira trocar de cidade? Essas são questões que você deve já ter em mente, para caso ocorra, pelo menos tenha um norte para guiar.

Sobre o Visto Estudantil e de Turismo

5. Qual visto eu preciso para ingressar no país e ficar o tempo previsto? 

Essa é uma das perguntas mais importantes. Você vai precisar de um visto de estudante? Ou um visto de turismo, por 3 meses, já funciona? Se você precisar do visto, o que você precisa fazer? Qual o custo médio para a retirada do visto? A agência auxilia nisso ou tem que fazer sozinho?

Todas esses questionamentos são importantes para que você não acabe se desesperando. Valendo a ressalva que você tem que perguntar qual a média da demora para a entrega do visto. Uma vez que se você for pensar em ir já na semana seguinte, pode não dar tempo.

Se você tiver passaporte estrangeiro. Fique atento para o que você precisa. No meu caso eu tenho europeu, e como cidadã europeia eu posso entrar na América do Norte apenas preenchendo o Electronic Travel Authorization (eTA) e pagar baratinho por ele. A confirmação ou negativa sai em 72 horas (máximo).

Canadá: eTA
Estados Unidos: ESTA



Sobre o Seguro Viagem

6. Como funciona o seguro viagem, quando a questão é estudo?

Eu já dei dicas sobre seguro viagem aqui, mas quando a questão é educação, você precisa verificar junto a agência de intercâmbio se existe alguma clausula obrigatória no contrato. Caso não precise, você pode fechar com as empresas que você já conhece. Normalmente as agências tem uma indicação e te podem te enviar uma cotação de algum seguro, solicite! Pelo menos você terá uma ideia do valor deles.

Mais Perguntas sobre Intercâmbio Estudantil

Essas foram as 6 primeiras perguntas sobre a escola, o visto e o seguro. No próximo post (clique aqui), farei as perguntas sobre os valores, documentos para homestay ou quarto estudantil, problemas com a família, a agência e os valores de ressarcimento caso você tenha o visto negado.

Fique conosco e caso queira ser lembrado do próximo post, nos adicione nas redes sociais. Temos Facebook, Instagram e Pinterest. Até a próxima Quinta!


5 Perguntas sobre Intercâmbio Estudantil (Parte 2)
Arepa Cafe: Comida Venezuelana em Toronto
Dolar Canadense: Coins (Moedas)